COMITIVA OFICIAL BRASILEIRA PARTICIPA DE ENCONTRO COM GOVERNO ARGENTINO, EM BUENOS AIRES, PARA TRATATIVAS SOBRE A PONTE INTERNACIONAL PORTO XAVIER/SAN JAVIER
06 de Julho de 2018

    

Em Buenos Aires, na Argentina, está acontecendo durante esta semana, um encontro marcante entre o governo brasileiro e o governo argentino para tratar das organizações burocráticas que visam a construção da Ponte Internacional Porto Xavier/San Javier. O Brasil está sendo representado pelo Presidente da Associação dos Municípios das Missões, Paulo Peixoto, pelo Prefeito de Porto Xavier, Vilmar Kaiser, pelo Secretário de Turismo e Mercosul de Porto Xavier, Ovídio Kaiser, e pelo Prefeito de São Nicolau e Diretor do Detur, Ricardo Klein, membros que compõem a comitiva oficial brasileira, responsável por trabalhar em prol da consolidação da Ponte Internacional.

              Na capital argentina, com o apoio do Itamaraty e do Consulado Brasileiro de Buenos Aires, a comitiva brasileira foi recebida pelo Embaixador, Sérgio França Danese, que determinou que fossem acompanhados pelo diplomata, Joaquim Araújo, por meio de veículo oficial da embaixada em todas as audiências realizadas nesta quarta-feira (4), no Congresso da Nação Argentina.  Os representantes brasileiros foram com o escopo de estreitar ainda mais a relação entre os dois países, visando buscar o convencimento das autoridades argentinas nas diversas esferas do Governo, e também da Baixada Brasileira.

              Os pontos mais destacados por eles, foram: a estima que a construção da Ponte Internacional Porto Xavier/San Javier tem para o desenvolvimento econômico do noroeste gaúcho e de todo o país, indistintamente, tendo em vista a localização estratégica na qual ficará localizada, perto do porto fluvial de Santa Ana, na Argentina, que deverá ser construído no próximo ano,  por onde escoará as importações de soja e milho e outros produtos do Paraguai e do estado do Mato Grosso, como também, os produtos frigoríficos produzidos no Rio Grande do Sul, principalmente, na região missioneira, para a exportação ao continente Asiático através do porto de Buenos Aires e Montevideo, no Uruguai, e a integração do Mercosul.

Outro ponto abordado por eles, foi ressaltar a imensurável importância para o crescimento do setor turístico, chamando olhares para as riquezas missioneiras, envolvendo a rota missões, e a história guarani-jesuítica. E consequentemente, o aumento da infraestrutura, atraindo investidores para o norte e noroeste gaúcho, gerando empregos, renda e qualidade de vida para a população.

Para tanto, o grande motivo da reunião em Buenos Aires, foi levar ao conhecimento das autoridades nacionais os avanços das etapas para a construção da ponte internacional, evidenciando os investimentos já promovidos pelos brasileiros, o desenvolvimento do anteprojeto, e acima de tudo, pedir o apoio aos governantes argentinos para as fases subsequentes.

              Além das audiências que estavam programadas, a comitiva oficial brasileira foi também recebida na Câmara dos Deputados, pelos deputados nacionais de Misiones, Jorge franco, e Ricardo Welbach, e no Senado da Republica, pelo senador Humberto Schiavone, que manifestaram apoio do parlamento em relação a construção da Ponte Internacional.

             Toda quarta-feira foi destinada para a realização das audiências para tratativas entre os dois países, iniciando às 11 horas, no Ministerio de Turismo. À tarde no Ministerio del Interior, e concluindo no Ministerio De Relaciones Exteriores Y Culto pelo fim do dia.  As audiências contaram ainda com as presenças das seguintes autoridades: Director Ernesto Famularo, Lic. Ana Agostino, Subsecretario Leopoldo Sahores, Ministro Leandro Fernandez Suarez, Directora Asuntos Federales, E. Tosonotti, Intendente de San Javier, Waldovino Enio, Intendente de Leandro Além, Diego Sartori, Intendente de Campo Viera, Carlos Sartori e o Intendente de Santa Ana, Pablo Castro.

             Ainda nesta quinta-feira, acontecerá mais uma audiência no Ministério de Transporte, com o Diretor Lic. Alvaro Quiroga, e Victoria Gazze.

 

Por Kerly Nasser

Mais notícias